XIX Festival Nacional de Folclore e XII Internacional – Ponta do Sol 2009

2009_festivalAlém do anfitrião, Grupo de Folclore da Ponta do Sol, e do emblemático Grupo de Folclore da Casa do Povo da Camacha, seis grupos de fora da Região, entre os quais dois estrangeiros, oriundos de Espanha e Suécia, engrandecem a edição deste ano.

O certame oficialmente designado de XIX Festival Nacional de Folclore e XII Internacional – Ponta do Sol 2009 realiza-se sábado, dia 29, na Avenida do Mar, com início pelas 21 horas, e tem uma vez mais o condão de marcar o arranque do programa de Festas do Concelho da Ponta do Sol. Com quase duas décadas de existência, a iniciativa conjunta do Grupo de Folclore e da Câmara Municipal da Ponta do Sol evoca este ano ‘o vinho’ como tema associado ao festival.

A abertura do festival, com uma introdução sobre o tema ‘o vinho’, faz-se antes da exibição de cada um dos grupos, cada qual com 12 minutos de actuação, incluindo as entradas e saídas. Apesar dos cerca de dez minutos de actuação propriamente dita parecer pouco à partida, ainda assim e tendo em conta a participação de oito agrupamentos, tal representa cerca de hora e meia de folclore.

O anfitrião Grupo de Folclore de Ponta do Sol volta a abrir o certame já cartaz nas festividades deste Município. A primeira parte do festival faz-se com as actuações do Rancho Etnográfico os Ferreiros de Carvalhais (Figueira da Foz), o Rancho Folclórico da Fonte do Bispo – Tavira (Algarve), e o Kalmarsundsdansarna FolK Group, oriundo da Suécia. A segunda parte abre com Grupo de Folclore Casa do Povo da Camacha, depois é a vez do folclore dos Açores se fazer representar através do Grupo Folclórico ‘Doce Esperança’, da Praia da Vitória – Ilha Terceira. Os penúltimos a subir ao palco são os espanhóis Associacion Cultural Tajaraste, vindos de Canárias, e por último, exibe-se o Rancho Folclórico ‘os Camponeses’ Santana do Mato, de Coruche (Ribatejo).

Pelas 23h30, proceder-se-á à entrega de troféus, seguido do Bailinho da Madeira com todos os grupos em palco, encerrando o festival em apoteose, com um espectáculo pirotécnico de fogo-de-artifício, pelas 23h45.

Advertisements

%d bloggers like this: