Oliveirense, 1 – A. D. Pontassolense, 0

Vontade de vencer não chegou para a A. D. Pontassolense amealhar qualquer ponto no reduto do actual líder da série.

Um golo de Oliveira, na transformação de uma grande penalidade, aos 58 minutos, conferiu ontem mais um triunfo da Oliveirense, que prossegue invicta na liderança da classificação.

Do outro lado, estava o Pontassolense, que entrou para esta competição com legítimas aspirações de andar no grupo da frente — até por aquilo que realizara na época transacta — mas que teima em não acertar o passo.

Ontem, Jorge Paixão, o técnico, ainda tentou, após se encontrar na posição de vencido, dotar a equipa de outra objectividade ofensiva, com as entradas de Josivan e Ângelo, mas os seus esforços revelaram-se infrutíferos. Foi a quinta derrota na prova, cenário que até não deslustra, mas preocupante tornam-se os empates, com a equipa da Ponta do Sol a acumular seis, contra apenas três triunfos.

Todavia, esta foi a primeira jornada da segunda volta e o objectivo de se colocar entre as oito primeiras equipas, aquelas que ficarão desde logo a salvo da luta pela permanência, é ainda concretizável.

Nesta altura, porque à excepção de um restrito lote de quatro equipas — Oliveirense, Espinho, Caniçal e Ribeira Brava — todas as restantes vêm, igualmente, desperdiçado muitos pontos, tudo está ainda em aberto, pese o notório défice pontual do conjunto pontassolense.

Oliveirense: Tó Ferreira, Bruno Sousa, Hélder, Larangeiro, Vítor Godinho, Artur (Diogo, 45), Magano (Ruben, 77), Oliveira (Diogo, 90+3), Sérgio Grilo, Nuno Santos.

A. D. Pontassolense: Vítor Pereira, Diogo, Humberto, Paulo Pereira, Ruben Pereira (Josivan, 62), Gleibson, Glauco, Mário (Ângelo, 70), Zeca, Hugo Gomes e Adriano.

Árbitro: A. Gralha (Santarém)

Golos: Oliveira (58 g.p.)

Melhor em Campo: Adriano

JM – 17/12/2007

Anúncios

%d bloggers like this: